Textos completos publicados em anais de eventos

Acesso aberto aos Textos publicados pelos integrantes do LaboMídia em 2012.

Documentos

Ordenar por : Nome | Data | Acessos [ Ascendente ]

 O CORPO OBESO: UM CORPO DEFICIENTE? O CORPO OBESO: UM CORPO DEFICIENTE?

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 473.66 kB
Downloads: 3113

MATOS, Keyte dos Santos; ZOBOLI, Fabio; MEZZAROBA, Cristiano. O corpo obeso: um corpo deficiente? Considerações a partir da mídia. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

Este texto não tem a pretensão de classificar ou enquadrar a obesidade nos mesmos moldes da deficiência, porém, a partir do corpo obeso queremos estabelecer um diálogo tensivo com a construção social da diferença e dos estigmas mediados a partir dela. Com o foco no estigma gerado a partir do corpo obeso4 traremos ao palco algumas reflexões que se fundam sob o mesmo imaginário cultural que sustentam as tramas da (in)exclusão. Nesse contexto, discutiremos o estigma sofrido pelo obeso dentro de uma cultura que cada vez mais valoriza os “sarados e malhados”, na qual, a gordura virou vilã e o obeso a vítima de discriminação por não se enquadrar dentro dos padrões de beleza fabricados pelo contexto cultural. O corpo obeso é entendido como algo doente, impossibilitado, limitado e indesejado, ou seja, ele é percebido como deficiente no sentido de não ser eficiente o suficiente para ser enquadrado nos padrões de normalidade, bem como no que se referem à esfera do mundo produtivo. É a partir deste momento que podemos compreender a inserção do obeso no processo de (in)exclusão, tendo em vista uma sociedade que promove os ditos belos e esbeltos e rebaixa os feios e gordos.

O CORPO DEFICIENTE NO CONTEXTO HISTÓRICO O CORPO DEFICIENTE NO CONTEXTO HISTÓRICO

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 09/05/2012
Tamanho: 505.49 kB
Downloads: 3517

SANTOS, Victor Relson; ZOBOLI, Fábio. O corpo deficiente no contexto histórico da Educação Física. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

Na opinião de Le Prestre (2000, p. 67), "a política pública é, antes de tudo, o que o Estado no plano nacional, ou os Estados e atores internacionais, deles emanados, no plano internacional, fazem ou não fazem". No presente texto, se considera que Políticas Públicas em Educação é o conjunto de princípios, de diretrizes e de ações estratégicas desenvolvidas pelos poderes públicos e pela iniciativa privada no objetivo da promoção e desenvolvimento da cultura educacional. A política educacional é prevista pela Constituição Federal e garante a educação a todos. A educação é dever do estado e direito do cidadão.

SAÚDE COLETIVA NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR SAÚDE COLETIVA NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 452.18 kB
Downloads: 8344

BARROS, Jofre Vinícius Santana. Saúde coletiva na Educação Física escolar: ampliando as possibilidades de tratar a saúde dentro da escola. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

O presente trabalho é parte constituinte da monografia em andamento no curso de Educação Física Licenciatura, sendo composto por uma pesquisa bibliográfica calcada em ampliar as possibilidades de abordagem do conteúdo saúde na Educação Física Escolar. Tendo como início o resgate histórico da parceria entre Educação Física e o conteúdo saúde, destacando como esse sempre esteve presente nas aulas e nas práticas desenvolvidas pela disciplina, contudo o enfoque da abordagem será o da Saúde Coletiva que entre outros pontos defende principalmente o envolvimento das ciências humanas considerando assim a análise de uma variedade de fatores que interferem na saúde dos indivíduos e da população em geral, bem como a intenção de explorar na escola o papel do professor enquanto profissional que lida com a saúde e ainda igualmente sua participação na formação de um comportamento crítico sobre um tema que aparece atrelado a tantos outros na disciplina. Palavras Chave: Saúde Coletiva, Educação Física Escolar, Possibilidades

AS TEORIAS PROGRESSISTAS DA EDUCAÇÃO FÍSICA BRASILEIRA AS TEORIAS PROGRESSISTAS DA EDUCAÇÃO FÍSICA BRASILEIRA

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 451.04 kB
Downloads: 3464

SANTOS, Leonardo dos; MEZZAROBA, Cristiano. As teorias progressistas da Educação Física brasileira e suas possíveis efetivações: problematizando o contexto de Itabaiana/SE. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

Este estudo se trata de uma pesquisa que ainda está em andamento. É desenvolvida com o auxílio da bolsa oferecida pelo Programa Especial de Inclusão e Iniciação Científica (PIIC)3. Objetivo geral volta-se a analisar e investigar as possíveis efetivações e contribuições das teorias progressistas da Educação Física no âmbito escolar de Itabaiana-SE. Mas, é bom ressaltar que nesse primeiro momento da investigação não iremos a campo, desse modo, o nosso objetivo geral preocupa-se em analisar as possíveis efetivações e contribuições das teorias progressistas da Educação Física na literatura da área, através de um diálogo com os artigos e livros que materializam esse debate. Assim, esta pesquisa constitui-se sob os fundamentos de uma pesquisa social de abordagem qualitativa e caráter bibliográfico, pois de acordo com Severino (2007), nos debruçamos sobre livros e artigos limitados estritamente ao assunto. E sob as características de uma pesquisa de uma pesquisa qualitativa porque não se preocupa em quantificar nem enumerar as obras e os artigos selecionados e sim, em uma análise sobre eles, concordando com Minayo (2010).

EDUCAÇÃO FÍSICA E SAÚDE COLETIVA EDUCAÇÃO FÍSICA E SAÚDE COLETIVA

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 489.47 kB
Downloads: 3247

BARROS, Jofre Vinícius Santana. Educação Física e saúde coletiva: relato de uma experiência no XIX Jecca-Codap. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

O trabalho foi um relato de vivência, assim como de exposição dos resultados obtidos através de questionário aplicado durante a execução de um minicurso no XIX JECCCA-Jornada Esportiva Científica e Cultural do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Sergipe acerca da relação entre saúde e atividade física/exercícios físicos tendo como título Saúde Coletiva e Educação Física: ampliando o olhar sobre aos exercícios físicos. Sendo que a partir da apresentação dos resultados da pesquisa suscitaremos discussão sobre este tema tão amplo ao qual é dedicada enorme importância na área da Educação Física em especial na Educação Física Escolar. A intenção do minicurso foi buscar a ampliação do entendimento dos participantes através da exposição e discussão dos conceitos de saúde já formulados, a relação entre saúde e mídia presentes no dia a dia dos alunos, a mercadorização do “produto” saúde e a possibilidade de proposição de um novo referencial baseado na Saúde Coletiva para a Educação Física Escolar.